As perguntas mais sem noção feitas pra sexóloga Laura Müller

Quando se junta sexo e saúde o povo brasileiro pode ser inacreditável

Laura Muller Altas Horas

Uma das coisas mais tradicionais na TV brasileira é a sexóloga Laura Müller respondendo às dúvidas da plateia do programa Altas Horas na noite de sábado para domingo. Com muita calma e elegância, ela atende às perguntas mais esdrúxulas que você pode imaginar, sem nunca perder a pose. É cada história bizarra que levam para a profissional de saúde sexual. Quase não dá para acreditar.

Os membros da plateia que recebem o microfone tem “amigos” inacreditáveis. Com umas amizades dessas, é melhor até repensar com quem você está andando. Afinal, o caso quase nunca foi com uma das próprias pessoas. No fim das contas, é uma galerinha que precisa mesmo de umas dicas quando se trata de sexo e saúde.

Veja os momentos mais engraçados das dúvidas da galera para Laura Müller.

“Saliva de cachorro em excesso faz mal para o pênis?”

Tudo começou com um “eu tenho um amigo que tem vários cães”, foi tomando forma com o clássico “e ele pediu para eu perguntar” até que veio esta bomba aí em forma de dúvida da plateia. A reação foi geral, muita risada de todo mundo que estava no programa naquele dia. Laura ainda respondeu que isso parecia “meio nojento, mas mal para a saúde não vai fazer”.

“Tenho a voz fina. Meus amigos falaram para eu me masturbar e tomar o líquido um mês seguido. Faço isso há dois meses e nada mudou. Por que?”

Uma das perguntas mais clássicas já feitas no programa. Que trollada dos amigos que esse maluco levou, hein? Depois da gargalhada geral, Laura esclareceu qualquer dúvida acerca do assunto: “Não adianta, porque o esperma não é para isso”.

“Por que o pênis fica ereto em momentos aleatórios?”

Até aí, tudo bem. Essa é uma boa dúvida. O negócio mesmo veio depois, quando o mesmo cara da plateia explicou: “Tava no meio da aula de biologia, a professora falou ‘átomos’ e, do nada, o pau começou a ficar duro”. Esse sim é alguém que tem tesão pelo conhecimento mesmo.

“Laura, eu queria saber se tem alguma forma que facilite a gente dar a roda”

Uma mulher que não se esconde atrás de história de amigos ou amigas, Simone — da dupla Simone e Simaria — realizou o sonho de estar com Laura Müller, comentou que tinha muitas dúvidas e mandou essa na lata. A profissional falou o seguinte: “A penetração tem que acontecer na hora em que a excitação esteja em alta. A ideia é não começar logo de cara nessa prática”.

“Diz que a ejaculação sai a 45 km/h, é verdade?”

Parece que o Luan Santana curte matemática sexual, porque foi ele que veio com essa para a sexóloga. O melhor é que ele estava quase certo: “É verdade, mas é 40 km/h”.

 

“Gostaria de saber se a dupla penetração é prejudicial para a mulher”

O melhor de tudo é que essa pergunta veio exatamente no mesmo programa que a de Simone sobre sexo anal. A atriz Fabiana Karla ainda brincou: “menina, hoje o negócio tá pra frente, hein?”. Mas para os que querem saber a resposta, podem ficar tranquilos, não faz mal algum. Laura apenas ressaltou a importância de usarem camisinhas no ato.

“É verdade que, se você comer muito morango e tiver uma relação sexual, na hora de ejacular vai sair com gosto de morango?”

Afinal, tudo o que entra, tem que sair de alguma forma, né. O engraçado é que a resposta é sim. Tá, não exatamente sim, mas que a pessoa não estava totalmente errada. “Só se você comer uma caixa. E com sabor, não, pode dar uma leve alteração”, explicou Laura. Ou seja, o que você come em excesso pode alterar o sabor da ejaculação.

Tem alguma dúvida que gostaria de fazer para a Laura? Manda aí pra gente nos comentários, quem sabe damos para as camgirls do CameraHot responderem no próximo Fala que eu te Chupo, hein!

Avatar
Sexo, mulheres, vídeos e ensaios eróticos! Isso e muito mais do universo masculino com aquela pitada de humor, sacanagem e informação.