Dicionário Pornô: as principais siglas e termos

Confira aqui um verdadeiro glossário da putaria

large-dicionario-porno

Quem curte uma sacanagem também precisa ter um vocabulário bem apurado. Afinal, apenas os verdadeiramente iniciados sabem todos os termos e siglas do pornô. Para muita gente, esse conhecimento pode até não parecer tão importante. Mas as aparências enganam, há muito mais debaixo da água do que a pontinha do iceberg permite ver.

Quem tem o conhecimento mais profundo das terminologias específicas do pornozinho consegue muito mais. Essa pessoa pode assistir exatamente o tipo de sacanagem que mais quer ver. Quer gatas experientes? Tem palavra pra isso. Quer ver mulheres grandes? Tem termo pra isso. Quer se sentir na pele do ator pornô? Pois é, tem sigla pra isso também.

Confira aqui com a gente o significado de todas as palavrinhas secretas da pornografia no nosso glossário ousado.

60 FPS 

Essa é para quem é apaixonado por qualidade de imagem. Um vídeo em 60 fps é quando ele é gravado com 60 quadros por segundo, muito mais do que o olho humano consegue captar.

AC/DC 

Um termo para bissexual, usado em boa parte dos casos em vídeos de ménage com dois caras e uma mina. 

ANAL BEADS 

Sabe quando rola um brinquedinho que lembra um colar de pérolas (mas na maioria das vezes bem maior) sendo enfiado conta a conta no ânus de alguém? Tá aí uma boa descrição de um vídeo com anal beads.

ATM

O famoso “ass-to-mouth”, também conhecido como cunete. É quando rola uma bela de uma chupada no ânus de alguém.

BAREBACK 

Sabe aquela velha expressão que diz “índio bom monta sem sela?”. Pois é, o conceito existe em inglês também e usar bareback na montaria significa cavalgar sem a proteção. Sendo assim, ao levar o termo para o mundo pornô, um bareback nada mais é do que uma cena na qual os atores não usam preservativos.

BBC

Tá ligado no Kid Bengala? Conhece o clássico Negão do Zap? Então você já sabe o que é um BBC. A sigla significa Big Black Cock e é feita para quem quer ver grandes pênis negros.

BBW

As BBWs são as Big and Beautiful Women. Ou seja, mulheres grandes, voluptuosas e com muitos quilos/muitas libras.

BDSM

A sigla significa Bondage, Dominação, Sadismo e Masoquismo. Ela engloba todos os fetiches que tenham essa pegada e geralmente envolvem bastante látex.

BUKAKKE

Não basta ser apenas um gangbang e também não basta apenas uma ejaculação no rosto da mina. Para ser um bom bukakke tem que juntar as duas coisas.

CBT

Um tipo de sadismo bem específico, no qual acontece tortura com o pênis e com as bolas do cara. O famoso “cock and ball torture”.

CFNM

“Clothed Female, Nude Male”. É quando a mina tá de roupa e o cara tá peladão. Qual a pira exatamente? Não dá pra saber, mas tem quem goste!

CLOSED CAPTION 

É quando o vídeo tem legendas. Sim, simples assim. Vai que você está em casa assistindo um pornô enquanto algum parente está no quarto ao lado? Já sabe o que fazer, desligue o som e bora pra legenda.

CREAMPIE

Não, apesar do nome não tem nada a ver com uma torta de creme. O creampie é quando o cara goza dentro da vagina da gata e depois tem uma cena da ejaculação escorrendo para fora. Eita!

CUCKOLD

Quando tem um fetiche de corno no vídeo. A gente falou mais sobre isso aqui.

CUMSHOT

É a cena de ejaculação no rosto da gata. Se você vê um vídeo com cumshot no título, tenha certeza que vai curtir uma cena desse tipo. A propósito, quase todo bukakke tem um baita cumshot.

CUNETE

Nada melhor do que ir direto ao ponto aqui para explicar: é um sexo oral anal, beijo grego ou como quiser chamar!

DDF

“Drug and Disease Free”. É quando os participantes da cena não têm doenças e não usam drogas.

DEEPFAKE

A moda mais recente, na qual se pega a imagem de alguém conhecido e substitui para o lugar de alguém que está fazendo uma cena pornô. Para ser um deepfake, a qualidade tem que ser suficiente para parecer real. Também existe fora do pornô.

DEEPTHROAT

O termo significa literalmente “garganta profunda”. Ou seja, é aquele boquete que vai até a goela da gata.

DP

Um termo bem brasileiro. DP é a dupla penetração. Ou seja, é quando a gata está sendo penetrada na vagina e no ânus ao mesmo tempo (na maioria das vezes por dois caras diferentes).

ESPANHOLA

A deliciosa prática do pênis dar uma bela esfregada no decote de alguma gata ou ser masturbado com os seios dela.

FISTING

A prática de enfiar o punho inteiro em orifícios. Oloco, bicho!

GANGBANG

Sexo grupal em que estão vários caras e uma mina só.

GLORY HOLE

É o famoso buraquinho em que um cara coloca o pau sem saber o que está do outro lado, muito comum em casas de swing e festas onde a putaria é essencial.

GOLDEN SHOWER

É o banho dourado, tá ok? Uma prática para quem curte receber o xixi de outra pessoa ou é curioso como nosso presidente.

GRINDING

É quando rola uns amassos, mas sem sexo. Só esfrega-esfrega mesmo. Rola bastante no softcore.

HARDCORE

Cena de sexo que aparece de tudo. Órgãos genitais, penetração, tudinho mesmo. O contrário do softcore.

HENTAI

Um desenho japonês de sexo. Pode ser em animação ou em quadrinhos.

INTERRACIAL

É o sexo entre pessoas de etnias diferentes. Geralmente um cara negro e uma mina branca.

JAV

“Japanese Adult Video”. Ou seja, é aquele pornozinho japonês live action com genitais pixelados e tudo que a galera tanto gosta do outro lado do mundo.

LOLI

São as ninfetinhas de 18 a 21 anos, também conhecidas como TEEN no pornô. O termo deriva de “Lolita”. Olha só, uma referência literária.

MÉNAGE

O bom, velho e delicioso sexo à três.

MILF 

A gente já falou sobre MILFs por aqui. Elas são as gatas experientes e a sigla significa Mom I’d Like to Fuck (Mães que eu comeria).

NSFW

Essa é uma tag bem comum e significa Not Safe For Work. Ou seja, é quando querem avisar que talvez não seja uma boa ideia abrir o conteúdo enquanto está no trampo.

OUTDOOR

Outdoor é o termo usado para cenas de sexo ao ar livre, geralmente em praças, parques e afins.

PAWG

É uma mina branca com uma bunda grande. Afinal, PAWG é Phat Ass White Girl.

PMV

Há um tempo atrás os AMVs (Anime Music Videos) viraram uma febre no YouTube. Eles consistem em pegar uma cena de anime e colocar uma outra música para tocar enquanto a ação tava rolando. A partir desse conceito surgiu o PMV (Porn Music Video) que é uma cena de pornô, mas com uma música tocando no lugar dos sons tradicionais. Bom para quem não quer ouvir gemidos.

POV 

Muita gente hoje em dia pede empatia. O POV meio que faz isso e te coloca no lugar de outra pessoa. Mais exatamente no ponto-de-vista de um ator pornô.

SFW

Safe For Work. Ou seja, aquele putariazinha de leve, recomendada pelos produtores para ver no trabalho. Geralmente são montagens em cima de imagens de putaria feitas no Paint e que desenham roupas em cima dos atores para fazer uma graça.

SOFTCORE

Já viu o Cine Band? Então você tá ligado no que é softcore. É o filme pornô em que até rola uma nudez, mas nunca algo muito mais revelador do que isso. 

SPANKING

É quando rolam umas belas palmadas durante o sexo.

SQUIRTING

Lembra do Squirtle? Isso mesmo, o pokémon. Bom, não tem nada a ver. O squirting é quando uma mina tem um orgasmo com ejaculação.

TRAMPLING 

Uma prática deliciosa para podólatras. É quando rola uma pisada consensual no parceiro.

VINTAGE 

São os pornôs das antigas. Se ele foi produzido entre as décadas de 1960 e 1990, já pode ser considerado vintage.

Tinha alguma palavrinha ou algum termo que você queria muito saber o significado, mas não estava aqui na nossa lista? Então conta pra gente aqui no comentário qual foi o termo que você mais sentiu falta.

Avatar
Sexo, mulheres, vídeos e ensaios eróticos! Isso e muito mais do universo masculino com aquela pitada de humor, sacanagem e informação.